quarta-feira, 31 de outubro de 2007

A deixa de Maluf...

Fim de tarde, faço um sanduíche antes de ir para a faculdade e ligo a televisão para ver o que está se passando lá fora:

Datena, o queridíssimo dos conservadores de plantão, conversa com o capitão da ROTA enquanto passam imagens de viaturas cortando o trânsito, com a seguinte legenda: POLÍCIA NA RUA, BANDIDO NA CADEIA. Então, Datena parabeniza o capitão por uma "brilhante operação" (que não me dei ao trabalho de entender qual era) e exalta a ROTA pelo grande compromisso com a sociedade: "ontem mostrei aqui a ROTA ajudando uma senhora a atravessar a rua. Isso mostra o quanto eles estão ao lado da população"...

Desligar a TV antes que, ao lado do capitão, apareça o Maluf fazendo campanha eleitoral.

2 comentários:

Ana Clara disse...

Não sei se isso é mais trágico ou cômico.
O Datena é patético. A Rota é malícia pura.

O Brasil cada vez mais conservador, o paulista cada vez mais tucano e apoiando a sentença "bandido bom é bandido morto".

Que triste.

Rea disse...

a hora que você quiser, lu.
bora pro rap!
beijo.